Pesquisar este blog

segunda-feira, 31 de julho de 2017

Chico Buarque - Compactos simples de 1969 e 1979

Compactos reúnem gravações em italiano e temas da novela Dancin'Days
Vou aproveitar o momento de lançamento de “Tua cantiga”, primeiro single de “Caravanas”, novo álbum do Chico Buarque, para postar dois compactos simples do artista, enviados pelo amigo Laércio, a quem agradeço. O novo CD do cantor e compositor, com nove faixas, sendo sete inéditas, deve chegar ao mercado no final de agosto, após ficar desde 2011 sem lançar disco de estúdio. Enquanto os fãs aguardam, vale a pena ouvir os dois singles agora apresentados. O primeiro é de 1969, lançado pela RGE, com duas gravações em italiano. O segundo, com temas da novela “Dancin’Days”, foi lançado em Portugal pela Philips, com o dueto de Chico e Nara Leão no lado A e o solo da Gal Costa no B. Confira:

CHICO BUARQUE - CS - 1969

01 - Cara cara (em italiano)
(Bardotti - Chico Buarque)
02 - Ciao, ciao, addio (em italiano)
(Bardotti - Chico Buarque)


CHICO BUARQUE, NARA LEÃO E GAL COSTA -  CS 1979
(Temas da novela Dancin' Days)

01 - Chico Buarque e Nara Leão - João e Maria
(Chico Buarque - Sivuca)
02 - Gal Costa - Solitude
(D. Ellington - E. De Lange - I. Mills - vs: Augusto de Campos)


COLABORAÇÃO: Laércio


15 comentários:


  1. http://www39.zippyshare.com/v/bK3n1MT5/file.html

    ResponderExcluir
  2. Danado é q ele era um dos q faziam "as tenebrosas transações" durante eu, vc e o povo honesto e trabalhador brasileiro dormíamos. O homem vale pelo seu caráter, sua honestidade, não pela sua obra e inteligência, principalmente se aquela é enganadora e a segunda para o mal.
    A citação desse impostor é uma vergonha para o blog. Infelismente!

    ResponderExcluir
    Respostas

    1. Em primeiro lugar, sinto-me honrado em ter o Chico Buarque no blog, pois admiro o artista e sua obra. Jamais seria uma vergonha. Em segundo, o espaço é eclético e democrático, e não expressa necessariamente o meu gosto pessoal. Em terceiro, o Chico tem a hombridade de botar a cara pra bater, doa a quem doer, e não se esconde sob o manto do anonimato para ofender e expressar sua opinião. Em quarto, as “tenebrosas transações” a que se refere são inverdades. Você provavelmente formou sua opinião baseado em boatos que circularam na rede quando Chico e vários outros artistas defenderam a manutenção do Ministério da Cultura – sim, o sr. michel temer (com letras minúsculas, mesmo, pois não me representa como presidente) queria extingui-la, e teve que abandonar a infeliz ideia. No contra-ataque, os defensores do golpe alardearam que Chico Buarque teria recebido R$ 13 milhões da Lei Rouanet. Um levantamento feito pela BBC Brasil mostrou que muitos dos artistas acusados de receberem patrocínio - caso do Chico Buarque - nunca pediram diretamente recursos da Rouanet ou de qualquer outra lei de renúncia fiscal. Em quinto, todo brasileiro, como eu, você e o Chico, tem o livre direito de ter e compartilhar sua opinião política partidária, e quem defende o estado democrático deve respeitá-la. Finalmente, por último, um conselho de amigo: não seja marionete de pessoas mal intencionadas e com interesses escusos. É bom averiguar em fonte confiável todas as informações que recebe e lê nas redes sociais, especialmente WhatsApp e Facebook, principais disseminadores de notícia fake. Um abraço, e seja feliz!

      Excluir
    2. Chico,grande resposta!
      Estive afastado por causa de uma formatação do meu pc e não li a baboseira de um anônimo e ignorante político destilando ódio contra um dos maiores compositores desde século.
      Felizmente vc deu a resposta merecida que ele e outros extremistas merecem.
      abs!!

      Excluir
    3. Referência a esse bilhetinho - q não é os de Erasmo e Kátia - está na postagem de 15 de setembro de 2017 as 12.12.,que de tão idiota nem a merecia.

      Excluir
  3. Sinto e respeito,ao mesmo tempo sua objeção, mas um cidadão de bem e q preza a Democracia, sente a dor que o povo, em todas classes,brasileiro sofre: pela violência, doenças medievais, péssima educação, corrupção, drogas etc. e tal - para não alongar-me - não vai para o senado e senta ao lado do causador consciente de toda essa infelicidade brasileira: o bandido, ladrão e condenado lula, nem merece ser tratado, como eu e vc.

    ResponderExcluir
  4. Chico será sempre Chico... e por coincidência Chico Mentor deste blog excepcional e Buarque que ajudou os brasileiros a pensar. No mais, xiitas à parte, endosso as palavras de nosso anfitrião. Respeito pela música em primeiro lugar!!!

    ResponderExcluir
  5. Ajudou vc! a pensar. Tô fora dessa falácia.
    Agora, quanto ao Chico do blog, concordo.

    ResponderExcluir
  6. Caro Chico,
    Parabéns pelo blog e pela resposta, precisa e coerente em texto que revela educação e inteligência. Os críticos do Chico Buarque são os paneleiros, manipulados pelos meios de comunicação, e eleitores de criaturas como Bolsonaro e Aécio. Eles foram às ruas, defenderam o fim da corrupção na hora do impeachment da Dilma, e nada fizeram para protestar contra o desgoverno do Temer. Onde está a coerência?! Classificar a obra do Chico como “falácia” é desconhecer sua história e importância sócio-cultural. Esse pessoal que alimenta o ódio, cego em suas frágeis convicções, é tão nocivo ao Brasil quanto os nossos políticos corruptos que deveriam estar na cadeia, independente do partido.

    ResponderExcluir
  7. Não sou nada do que vc falou, caro Samuel. Sou apenas um brasileiro honesto, trabalhador, cristão, consciente e independente, ou seja, nunca abdiquei das minhas ideias e crenças, embora tenha os professores lesa-pátria das Universidade Federal e particular que cursei, isto é, propagandistas dos preceitos da quadrilha assassina, ladra e desumana que enganou cidadãos, como vc,tenham tentado através do processo mentiroso - lavagem cerebral - q vc, infelizmente, apesar das evidências, continua a venerar.
    Agora, eu aceitaria tudo q vc, feridamente,acusou-me, caso eu tivesse de escolher entre a bandidagem lulapetismo e o seu péssimo entendimento do texto e cegueira.

    ResponderExcluir
  8. Que resposta maravilhosa Chico ao "anônimo" honesto, cristão e trabalhador aí de cima. Lendo um comentário de um sujeito desse, sinto desanimado e vejo que o nosso Brasil está cada vez mais entregue a um povo ignorante, guiado por uma elite mal intencionada e que manipula nossas vidas. Mas vendo sua resposta, educada, dura, correta, justa, defendendo um de nossos tesouros, o maravilhoso Chico Buarque, o maior compositor brasileiro e um dos maiores do mundo, vejo que ainda temos uma saída: apertada, difícil mas, quem sabe, conseguiremos um dia ser um povo tão educado, justo como sua resposta. Parabéns e agora fiquei mais fã desse blog pois vejo que você além de um bom gosto incrível é um cara que está esperto com o que está acontecendo no mundo, com essa coisa de internet e cada um falar o que quer. Viva o blog, Viva o Chico (do blog) e Viva o Chico Buarque.

    ResponderExcluir
  9. Outro que não entendeu nada e passa acusa-me do que não sou, mas, mesmo assim, pobre Williams - nome bem brasileiro -, dou-lhe meu perdão, pois o vejo como mais um inocente útil, vitimado pelo vírus da alienação política das teorias de Antonio Gramsci, pregada pela escória criminosos, sob o comando de lula e seus asseclas do Forum de São Paulo, usando o seu dinheiro, o meu, o do Chico do blog, enfim, dos brasileiros honestos, trabalhadores e cristãos, que poderão amanhã ser uma Venezuela ou qualquer outra republiqueta vitimada pelo totalitarismo comunista, que nunca deu certo em lugar algum a não ser roubar o povo de todos os direitos fundamentais para viver feliz. Juro, tenho pena de vc. Que Deus o abençoe e desperte sua mente dessa cegueira alienatória.




    ResponderExcluir
  10. Meu Deus... quanta ignorância numa só cabeça. Nunca li tanta bobagem, a começar pela inapropriada ironia em relação ao nome Williams. Odeia Chico Buarque devido a sua posição política, sem considerar sua premiada obra musical, teatral e literária. Fala em corrupção como se fosse coisa recente, exclusiva do PT, mas ignora fatos escandalosos do atual governo, com aval do PSDB, provavelmente seu partido de estimação. Até analfabeto sabe que a bandidagem está solta em todas as legendas partidárias. Pra piorar, confirmando sua ignorância, o reclamante conta que cursou universidades federal e particular, mas comete erros primários de português, e ainda escreve o advérbio infelizmente com “s”. Não dá pra levá-lo a sério, “infelismente” (rs).
    Luiz Carlos – Presidente Prudente (SP)

    ResponderExcluir
  11. Quanta acusação improcedente e fraca de conteúdo, embora o " autor " jorre soberba e acha-se, ao mesmo tempo, adivinhão e gênio da lingua mãe gentil - não confundir com a Pátria, que os adorados por ele roubaram, inclusive dele. Juro que perante tanta " sabedoria " iria encontrar algum comentário sobre o italiano e o forum,que o alienário, mas, não sei, parece que ele nunca ouviu falar.Que pena, pois vc é uma vítima inocente útil deles.
    Que Deus o perdoe, abençoe, pois, de mim, vc tem o perdão, principalmente, por causa da sua cegueira política. Um abraço respeitoso.

    ResponderExcluir
  12. Minha última resposta foi, como, supra, consta,em 13 de agosto de 2017, entretanto, outra vítima inocente dos fasci-comunistas, utilizando-se dos meios desses ladróes e assassinos do povo e da honra brasileiros, o q deste já o caracteriza, posta, com anuência do blog, no dia 18 de agosto de 2017o, que deveria ser, infra, minha último postagem e, portanto receberia a contradita adequada, mas como, covardemente, Miguel Rodrigues não o fez, não perderei meu tempo em responder, adequadamente,a tanto ódio e desrespeito, já q ele não respeita nem a si mesmo: basta ver como escreveu seu nome.
    Que Deus o abençoe e retire de si tanto sandice e alienação.

    ResponderExcluir