Pesquisar este blog

Carregando...

quarta-feira, 19 de outubro de 2016

Wilson Miranda - Estou começando a chorar (CS 1967)

 Recado com a caligrafia do Roberto Carlos é destaque na capa do disco
Este compacto simples do Wilson Miranda – mais uma colaboração do amigo Geraldo, a quem agradeço - se destaca pela capa, com a reprodução do recado redigido à mão pelo Roberto Carlos: “Ouvi o seu novo compacto. Não me surpreendi com a espetacular interpretação do 'Estou começando a chorar' porque eu (e o público) conhecemos o seu talento. Mas a moldura vocal que você deu à minha música agradou-me barbaramente”, elogiou. Pra quem não sabe, a canção foi criada no período em que Roberto e Erasmo Carlos estavam com a relação de amizade abalada, e passaram a compor separadamente. A parceria musical foi retomada ainda em 1967 com “Eu sou terrível”, lançada no LP “Em ritmo de aventura”, do Roberto Carlos. Confira este:

01 – Estou começando a chorar
(Roberto Carlos)
02 – A lição
(Sérgio Reis)


COLABORAÇÃO: Geraldo


8 comentários:


  1. http://www26.zippyshare.com/v/TM81PqDp/file.html

    ResponderExcluir
  2. Compacto Simples do tempo da "Jovem Guarda" da mais alta qualidade. Ambos os lados de muito sucesso. Como curiosidade, na composição de Roberto Carlos está o erro de concordância verbal ("... ciúmes veio...") que tal e qual na gravação de Wilson Miranda a gravação de Hebe Camargo repetiu. Talvez nunca saberemos a origem do erro: se na composição ou nas interpretações. Mas, são lindas interpretações de Wilson Miranda sob o acompanhamento competente de The Fevers. Abs.

    ResponderExcluir
  3. Interessante o comentário do Paulo Castelo, mas na música pode-se usar a tal licença poética. A língua portuguesa é difícil de enquadrar na música, diferente do espanhol e do inglês, e o compositor tem que se virar para a letra caber direito na melodia. Abraços a todos.

    ResponderExcluir
  4. O internauta Willians contribui oportunamente destacando ser o erro de concordância na música "Estou começando a chorar" simplesmente uma licença poética". Todavia, ela não deve ser utilizada em qualquer caso, mas, somente em socorro da metrificação ou da eufonia (para beneficiar o verso). Talvez não seja o caso em questão, pois a construção "ciúmes veio" poderia, perfeitamente, ser substituída por "ciúme veio", corrigindo a concordância sem prejuízo da métrica. De qualquer forma, isso não abalou a qualidade da canção e o seu merecido sucesso. Abs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente, agora que prestei atenção e vi que você tem razão, poderia ser substituída a frase que não perderia a métrica. Acho que na hora de cantar o interprete viaja e nem se preocupa. Tem erros assim até do Caetano naquele disco com o Chico de 1972 na música Rita. Parabéns pelo seu ouvido e atenção nas letras, legal. Abraços.

      Excluir
    2. Paulo e Willians

      Agradeço pelos comentários. As observações são interessantes, nos levam à reflexão, e valorizam a postagem. Valeu!!!

      Abraços

      Excluir
  5. chico vc ja nos deu inumeras reliquias preciosas lhe por favor ache o conjunto do 5 so de 1969 chama-se um partido mais alto 5 so desde ja lhe agradeço peço a deus que de muita saude

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Infelizmente não tenho. Fico lhe devendo. Abs.

      Excluir