Pesquisar este blog

terça-feira, 12 de novembro de 2013

Poly e seu Conjunto - Noite cheia de estrelas (1960)

EP de 45 RPM inclui quatro músicas do álbum "Noite cheia de estrelas"
O multi-instrumentista Ângelo Apolônio, nome verdadeiro do Poly (ou Poli), comparece com este EP de 45 RPM, lançado em 1960 pela Chantecler. Duas faixas são do LP “Noite cheia de estrelas”. Tenho certeza que agradará aos fãs de instrumentais, pois Poly é fera no violão, cavaquinho, bandolim, banjo, contrabaixo, viola e, é claro, na guitarra havaiana. Ele nasceu em 8 de agosto de 1920 em São Paulo, onde morreu em 10 de abril de 1985, e desde os 10 anos demonstrou habilidade com os instrumentos de cordas. Começou a carreira artística na década de 1930, em São Paulo, quando passou a acompanhar cantores populares de então. Em 1937, foi chamado para trabalhar no conjunto Regional da Rádio Difusora paulista, como violonista e solista de cavaquinho e bandolim. Na mesma época, integrou o conjunto vocal Grupo X, que concorria com o Bando da Lua.

Compôs sua primeira música em 1939, uma valsa intitulada "Você", com letra de José Roberto Penteado, que nunca foi gravada. Foi esse parceiro que sugeriu o nome artístico Poli, abreviatura de Apolônio. Em 1940, foi convidado pelo também multi-instrumentista Garoto para trabalhar em seu regional no Rio de Janeiro. Com ele, atuou no Cassino Copacabana, na Rádio Clube do Brasil, na Rádio Mayrink Veiga e começou a gravar. O primeiro solo foi em 1944, tocando guitarra havaiana, os fox-trotes "Deep in the heart of Texas", de Don Swander e June Herchey e "Jingle, jangle, jungle", de J. L. Lilley e F. Loesser. A partir daí, não parou mais, e foi muito requisitado para acompanhamento em discos de outros artistas. Comenta-se que é dele o solo de guitarra na primeira gravação de "O milionário", pelos Os Incríveis, na Continental, sendo que seu álbum “Moendo café”, de 1961, foi até relançado em CD. Confira o disco:

01 – Noite cheia de estrelas
(Cândido das Neves “Indio")
02 – Samba caipira
(Palmeira – Piraci)
03 – Lejania (Meu primeiro amor)
(Herminio Gimenez)
04 – Folia de Santos Reis
(Teddy Vieira – Palmeira)

5 comentários:

  1. http://www33.zippyshare.com/v/58680522/file.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amigo Chico
      Sua postagem me chamou atenção, pois em 1961 foi lançado o Lp contendo 12 faixas com a mesma capa desse album, só que sem as musicas samba caipira e Meu primeiro amor (lejania). O Lp está postado no blog LaPlayaMusic. Um abraço e parabéns pelo seu blog. É show....

      http://laplayamusic.blogspot.com.br/2013/09/poly-e-seu-conjunto-noite-cheia-de.html

      Excluir
    2. Hedson

      Eu não conhecia o LP. Vi apenas no Mercado Livre, mas sem os nomes das músicas, daí a minha conclusão de que as quatro músicas são do LP. É surpresa constatar que duas faixas não são do álbum. Muito obrigado pelo comentário.
      Abs

      Excluir
  2. Novo link:

    http://minhateca.com.br/sintoniamusikal/0421+-+POLY,413558702.rar(archive)

    ResponderExcluir
  3. a maioria dos links expiraram conserte por favor

    ResponderExcluir