Pesquisar este blog

terça-feira, 26 de novembro de 2013

Agnaldo Rayol - A mais bela voz do Brasil (1966)

Álbum lançado pela Copacabana tem os hits "A tua voz" e "Devo esperar"
Disco de capa dupla se destaca pelo pôster colorido do Agnaldo Rayol
Outro dia, em encontro com amigos, conversávamos sobre a preferência por CDs e vinis. Entendo que o som digital é um caminho sem volta, mas o disco sempre terá mercado, mesmo que pequeno. A principal vantagem do vinil está na sua apresentação: tem capa maior; os títulos são fáceis de ler; suporta mais informações que no CD, e as fotos ficam mais bonitas na capa. Um exemplo é este “A mais bela voz do Brasil”, do Agnaldo Rayol, lançado em 1966 pela Copacabana. Pra começar, a capa é dupla, e na parte interna comporta as letras das músicas e até uma poesia do Blota Junior dedicada ao cantor. Além disso, o álbum traz um pôster, preso entre a segunda e a terceira capas. O disco, por sua vez, é muito bom, e oferece pelo menos dois sucessos - “A Tua Voz” (Plus Je T'entends) e “Devo Esperar” (Devo Imparare). O título do disco, mesmo que pretensioso, não é propaganda enganosa. Agnaldo, com sua bela e potente voz, dá um show de interpretação. Não por acaso, é o sucessor do Francisco Alves no título de "O rei da voz". Confira:

01 - Devo Esperar (Devo Imparare)
(Bonicatti - Latessa - vs: Aladin)
02 - Resto De Quem Parte
(Luiz Vieira)
03 - Eu Chorarei Por Ti
(Evaldo Gouveia - Jair Amorim)
04 - Sem Um Fim (Senza Fine)
(Gino Paoli - vs: Nazareno de Brito)
05 - Você É Amor
(Sérgio Malta)
06 - Poema Do Amor Divino
(Zairo Marinozo - Maio Miranda)
07 - A Tua Voz (Plus Je T'entends)
(Alain Barriere - vs: Agnaldo Rayol)
08 - Nosso Cantinho No Mundo
(Tommy Standen)
09 - O Telefone
(Evaldo Gouveia - Jair Amorim)
10 - Receio
(Denis Brean - O. Guilhermo)
11 - Em Vez De Adeus
(Carlos Paraná)
12 - Paz Do Teu Sorriso
(José Orlando - Wilson Mello)

2 comentários: