Pesquisar este blog

terça-feira, 3 de setembro de 2013

Pery Ribeiro - Pery é todo bossa (LP 1963)

Álbum lançado há 50 anos traz a primeira gravação de "Garota de Ipanema"
Este “Pery é todo bossa”, lançado em 1963 pela EMI-Odeon, atende ao pedido do Antonio Augusto, da Comunidade MC&JG. Trata-se do segundo álbum do saudoso Pery Ribeiro (27/10/1937 – 24/02/2012), totalmente dedicado à Bossa Nova, e se destaca pelo belo repertório que inclui o primeiro registro do clássico “Garota de Ipanema” (Tom Jobim e Vinicius de Moraes), apontado em muitos artigos como a segunda música mais executada do mundo, perdendo apenas para “Yesterday”, dos Beatles. Também no repertório, canções de Roberto Menescal e Ronaldo Bôscoli ("Me lembro vagamente", "Nós e o mar", "Ah! Se eu pudesse" e "Rio"), Silvio César ("O que eu gosto de você") e Tito Madi ("Só sei"), entre outros autores; além de composições próprias, como "Evolução" (com Geraldo Cunha), "Bossa na praia" (com Geraldo Cunha) e "Balanço moreno".

Pery é filho da cantora Dalva de Oliveira (1917-1972) e do cantor e compositor Herivelto Martins (1912-1992). Iniciou a carreira artística aos três anos, quando fez a dublagem do anão Dengoso em filmes de Walt Disney ao lado de sua mãe, que interpretava a Branca de Neve. Aos 5 anos, em 1942, participou de “It’s all true”, o filme inacabado de Orson Welles, filmado no Brasil. Em 1959, trabalhando na TV Tupi como operador de câmera, foi convidado para participar do programa de Paulo Gracindo na Rádio Nacional. Assumiu, então, o nome artístico de Pery Ribeiro, seguindo sugestão de César de Alencar. Ainda em 1960, gravou seu primeiro disco, um compacto duplo contendo a canção "Sofri você" (Ricardo Galeno e Paulo Tito), entre outras.

Pra quem não sabe, Pery gravou 12 discos dedicados à bossa nova. A partir da década de 1970, se dedicou a trabalhos mais voltados para o jazz, ao lado de Leny Andrade, viajando por México e Estados Unidos, onde atuou também ao lado do conjunto de Sérgio Mendes. Ganhou mais de 60 prêmios na carreira, incluindo o Troféu Roquete Pinto, o Chico Viola e o Troféu Imprensa. Além da carreira musical, foi apresentador de programas de televisão, participou de filmes no cinema nacional, e lançou em 2006 o livro “Minhas duas estrelas”, onde conta como foi sua vida em meio ao conturbado relacionamento dos pais. Confira o disco:

01 - Evolução 
(Geraldo Cunha - Pery Ribeiro)
02 - Me lembro vagamente 
(Roberto Menescal - Ronaldo Bôscoli)
03 - Ah! Se eu pudesse 
(Roberto Menescal - Ronaldo Bôscoli)
04 - Rio 
(Roberto Menescal - Ronaldo Bôscoli)
05 - Queixa comum 
(Ricardo Galeno - Cirene Mendonça)
06 - Bossa na praia 
(Geraldo Cunha - Pery Ribeiro)
07 - Garota de Ipanema 
(Tom Jobim - Vinicius de Moraes)
08 - O que eu gosto de você 
(Silvio César)
09 - Nós e o mar 
(Roberto Menescal - Ronaldo Bôscoli)
10 - Canção de fim de tarde 
(Walter Santos - Tereza Souza)
11 - Só sei 
(Tito Madi)
12 - Balanço moreno 
(Pery Ribeiro)

FICHA TÉCNICA

Direção artística - José Ribamar
Direção musical - Lyrio Panicalli
Coordenação artística - Milton Miranda
Orquestrador - Lyrio Panicalli
Assistente de estúdio - Paulo Zito
Técnico de som - Ademar R. da Silva
Direção técnica - Engenheiro Z. J. Merky
Técnico de equalização e corte da matriz - Reny Rizzi Lippi
Foto - Mafra
Produção fonográfica - Ind. Elétricas e Musicais Fábrica Odeon S/A




4 comentários:

  1. http://www14.zippyshare.com/v/39164123/file.html

    ResponderExcluir
  2. Novo link:

    http://minhateca.com.br/sintoniamusikal/0375+-+PRIBEIRO,9343842.rar

    ResponderExcluir
  3. Segundo link ativo. Muito obrigado!!!
    RoyJr.

    ResponderExcluir