Pesquisar este blog

segunda-feira, 15 de outubro de 2012

Rosely - Uma pequena antologia (RCA/1967-1975)

Rosely, cantora afinada e de bonita voz, ainda é desconhecida do grande público
Rosely é uma cantora paulista que iniciou a carreira na contramão do que era comum em 1966 no mercado fonográfico: gravou de imediato um LP, ao invés de um compacto simples, vinil com uma música de cada lado, porque os diretores da poderosa CBS (hoje Sony) acreditaram no talento da garota que teria tudo para vender muitos discos. Os executivos da CBS, com Roberto Carlos, Wanderléa, Renato e seus Blue Caps, Jerry Adriani e outros da Jovem Guarda no cast, esqueceram que o estilo musical adotado para Rosely, afinada e dona de poderosa voz, era dirigido na época a público reduzido. Esse primeiro disco - muito bom! - foi um fracasso de vendas e a talentosa garota teve uma segunda chance, mas em outra gravadora, a RCA Victor, que a contratou em 1967. Lá, gravou o single "Só existe um lugar", uma versão da música "You only live twice", tema do filme "Com 007 só se vive duas vezes", e "Veneza não", versão de "Venezia no", obtendo relativo sucesso, o que a credenciou para outras gravações.

Infelizmente, não tenho informações sobre a cantora e sua discografia. Eu tenho as músicas do primeiro LP, sem imagens da capa e da contracapa, que baixei faz tempo na rede, mas não me recordo da fonte para dar o crédito. Consegui a foto da capa na semana passada, graças a postagem do Luiz Fernando, amigo da Comunidade MC & JG, do Orkut, que também disponibilizou o LP (aqui), a quem agradeço pela gentileza. Aproveitei a foto e montei esta antologia, reunindo oito músicas gravadas na RCA Victor, sendo seis extraídas de três compactos simples e duas da coletânea "As finalistas e vencedoras da 1ª Bienal do Samba". É provável que tenha outros discos gravados no intervalo entre 1969 e 1974. O principal destaque é a regravação do clássico "Tudo acabado", primeiro grande sucesso da Dalva de Oliveira, registrada logo após a cantora deixar o Trio de Ouro, do qual fazia parte. Rosely, com seu vozeirão, não faz feio na comparação. Confira:

01 - Só existe um lugar (You only live twice) - 1967
(John Barry - Leslie Bricusse - vs: Hamilton Di Giorgio)
02 - Veneza não (Venezia no) - 1967
(L. Tortorella - L. Zanetti - L. Beretta - A. de Paolis - vs: Romeo Nunes)
03 - A glória do amor (The glory of love) - 1968
(B. Hill - vs: Aurélio Jr. - Janete Soares)
04 - Precisa ser você (Je reviens de checher) - 1968
(Becaud - Belance - vs: George Freedman)
05 - Luandaluar - 1968
(Sérgio Ricardo)
06 - Rainha porta-bandeira - 1968
(Edu Lobo - Ruy Guerra)
07 - O amor é o mais importante - 1975
(Chico Xavier - Nem)
08 - Tudo acabado - 1975
(J.Piedade - Oswaldo Martins)




6 comentários:

  1. http://www.mediafire.com/?g1r5h9dl2jnir34

    ResponderExcluir
  2. Novo link:

    http://www.4shared.com/rar/IThC7tQj/0112_-_RSLY.html?

    ResponderExcluir
  3. Acredito que ela é a conhecida Ana Rosely, tem um samba rock muito famoso chamado Não Acostuma, Não de 1975. Ela tem LP de 1977, 1979, compactos em 1975, 1978... e deve ter mais discografia.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigado pelo interessante comentário. Quem sabe, alguém possa confirmar sua suspeita, pois o fato me é desconhecido. Abraços

      Excluir
    2. É muito provável que seja ela. Estes compactos são entre 1966 e 1975, em que ela era mais nova. Se você notar os traços da cantora Ana Rosely de 1977, perceberá que são os mesmos. Mas, como ela mudou de gravadora (CID) também alterou o nome artístico. É uma pena que o link que vcs postaram de 2011 não esteja mais ativo.

      Excluir
    3. Também acho provável que seja. Já renovei o link do LP de 1966. Abraços

      Excluir